discussao sussurrada

Como nós jornalistas e comunicadores em geral estamos interpretando toda essa onda de poder midicatico?
Pelo coporativismo ou pelo sonho de um dia  ter craha da org. globo? Uma mensagem em defesa do escobar provocou reação no http://br.groups.yahoo.com/group/jornalismo_ .
Minha humilde opinião, no debate entre os colegas foi a seguinte:

Achei interessante a sacada desde video
http://www.viomundo.com.br/tv/benjamin-reis-o-nado-sincronizado-da-globo.html

já tinha visto da sport TV
http://sportv.globo.com/extra/Apos-vitoria-da-selecao–Dunga-insulta-jornalista-\
e-jogador-da-Costa-do-Marfim.shtml

Alex Escobar, ao meu ver, foi “bucha de canhão”, poderia ter sido qualquer outro
repórter.
Falas atravessadas, chuva e sol, bom e mau humor de fonte e de entrevistado…
Coisas assim acontecem nos bastidores.
Escobar, ao que me parece, ficou na dele, isso me sugere atitude de profissional.
A repercussão é que revela as entrelinhas do jogo do poder que domina grandes coberturas da imprensa, ainda mais no esporte. 

 trocar o “plim, plim” pelo “tilim, tilim”  igualaria qualquer uma empresa de midia “defendendo” o seu cofrinho.

Anúncios

Autor: >Lila

jornalista, vicionauta, blogueira, muito interessada em educação e comunicação [social, visual, digital] (professora, aluna, pesquisadora, mãe, filha e avó em ordem randômica de tempo, espaço e sensações )

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s