flores de março

Minhas comemorações de hoje começaram com aula de jornalismo e convergência pela manhã. Enrrouqueci tentando animar uma discussão sobre jornalistas e seu preparo para o trabalho. Diferente da turma da quinta, quando tópicos relativos as questões apresentadas renderam bastante participação e um quadro bem rabiscado de “hiperlinks” entre mimosa, flor s�mblo do dia das mulheresperguntas, explicações e idéias [kit basico: competências, conectividade, mobilidade, habilidade, responsabilidade, ética, multimidialidade…], relações [receptor (acessibilidade, interatividade, credibilidade…); canal (compromisso, estilo, target, prazos, custos..]; pessoal (limites, saúde, qualificação, especialização…) e por aí vai. E se a turma não lembrasse do fim da aula, eu tinha emendado até a noite. No sábado pela manhã a experiência pede ajustes nas estratégias. Todos cansados da semana cheia. Inclusive eu.
Então, esse foi o exercício comemorativo da manhã. A tarde começou num delicioso almoço em casa. E só quem vive de selfisselvici sabe como é bom sentar à mesa em casa com a família.
Com a nova fase da família, com filhos semi-independentes, a tarde foi de carinhos de namorido, a noite de espera pelo retorno das crias. Enfim, sensação de um dia perfeito de normalidade. Que muitos dias me tragam essa sensação de não precisar de um dia especial para me sentir a mulher. Muitos buquês de Mimosas para todas nós, MULHERES de todos os dias!

Anúncios

Autor: >Lila

jornalista, vicionauta, blogueira, muito interessada em educação e comunicação [social, visual, digital] (professora, aluna, pesquisadora, mãe, filha e avó em ordem randômica de tempo, espaço e sensações )

Um comentário em “flores de março”

  1. Não sei como vim aqui aterrar.
    Procurava uma imagem para um poema …
    Verifiquei, pois li e reli variadas postagens …
    Tenho os meus “blogues”, onde me deixam comentários.
    Fico abismado que com tantas visitas, ninguém deixe uma mensagem, ou poucos comentam.
    Nem que digam mal do que está a ser criado, penso que qualquer um, já não falo nos visitantes anónimos, mas os blogueiros, deveriam dar ânimo a quem perde etmpo com “isto”.
    Penso que há a inveja do vizinho ter ouro de melhor qualidade que o nosso e mais vistoso.
    Tenho 61 anos e sou casadO, e o meu perfil é uma verdade, não era nesta idade que ia começar a mentir.
    Já levei alguns a continuarem, na altura em que iam afundar o barco.
    Assino como “xistosa” por motivos que explico na minha página.
    Não é uma esmola, que fique bem vincado.
    Percebo pouco de computadores mas vou voltar mais vezes, porque vai para os favoritos.
    Tenho alguns amigos brasileiros …
    Poder-se-á alargar o leque de visitas.
    Voltarei !!!
    Boa Noite!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s